Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Isto É Peanurs

Hater vs eu

Se questionarem os meus amigos sobre mim, entre as palavras sarcasmo, Benfica e eurovisão vai aparecer a frase "ela odeia o mundo". Calúnias. Eu não odeio mundo mas de facto as pessoas (não todas mas uma grande parte) fazem-me confusão. Infelizmente, por muito que odeie muita coisa e há muito tempo, não sou ninguém ao pé dos odiadores profissionais que apareceram nos últimos tempos, os chamados haters.

 

Um hater difere de mim principalmente no tempo gasto a odiar. Eu, que sou uma mera pessoa que não gosto de algumas coisas/pessoas, limito-me a gastar uns segundos de vida a odiar essa coisa/pessoa quando ela me aparece à frente ou me falam nela. Tirando isso, nem sequer me lembro que essa coisa/pessoa existe.

 

O hater faz o seu trabalho sério. Sobretudo nas redes sociais, que ao vivo as coisas tornam-se mais complicadas. Hater que é hater perde horas de vida nas redes socias das pessoas de quem não gosta a comentar todas as fotos e publicações que esta pessoa alguma vez fez. Percebe que ninguém lhe liga e vai para grupos de facebook incitar à discussão e dizer mal das pessoas de quem não gosta a outras pessoas para tentar cultivar o ódio. Pessoalmente? É um amor de pessoa. Fazem falta pessoas como eu que se limitem a odiar mas não sejam haters. Estou a pensar fazer workshops de ódio e de como o controlar porque a linha entre ser odiadora e hater é ténue e nunca se sabe quando é que a vamos ultrapassar.