Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Isto É Peanurs

"Amor" à camisola

O amor à camisola não existe. Pelo menos não da parte de quem trabalha para determinado clube. Existe nos adeptos e mesmo assim não é de fiar. Prometam uns milhões a um adepto para mudar de clube e veremos o que acontece. Acredito que recusaria essa proposta sem pensar duas vezes, mas não posso dar certezas porque nunca aconteceu. Verdade seja dita que já deve faltar pouco para o Bruno de Carvalho querer comprar também os adeptos do Benfica. Só falta isso. O que me faz confusão nesta forma que o Bruno de Carvalho tem de dirigir o clube são os adeptos que o apoiam. Um presidente que chama jornalistas para falar somente do clube adversário antes de um jogo da Champions, que faz maus negócios só porque vão chatear os adeptos contrários e que em cada 10 publicações no facebook fala 11 vezes do Benfica, é um mau presidente. Não é que o Luís Filipe Vieira seja um génio, mas pelo menos preocupa-se com o seu clube antes de se preocupar com os restantes.

 

 

Mas tudo isto vem a propósito da notícia anunciada ontem no intervalo do jogo do Sporting com o Tondela: Nelson Évora trocou o Benfica pelo Sporting. Não é um choque. Os jogadores de futebol também costumam ir para clubes menores no final da carreira. Agora está na moda ir para os Estados Unidos e passar a jogar soceer em vez de futebol. Como a nível do atletismo o Nelson já está num país pequeno, mudou para um clube onde certamente ganhará mais uns trocos para depois se reformar. O dinheiro, esse ponto importante que faz esquecer o treinador que nos acompanhou durantes mais de duas décadas ou o clube que nos apoiou até durante um período de lesão. E um pedido de desculpas? Nem vê-lo. Pelo menos o Maxi ainda inventou uma desculpa ridícula. O Nelson nem isso. Declarou amor incondicional ao Benfica e depois, do nada, trocou o Benfica pelo Sporting. Mandava-o à m****, mas ele foi sozinho. 

 

O mais interessante é que, novamente, quem fica a perder é o Sporting. O mesmo Sporting que há uns tempos viu o seu capitão João Moutinho ir para o Porto para poder ser campeão nacional. O mesmo Sporting que formou o Simão Sabrosa que foi dos nossos melhores jogadores. O mesmo Sporting que despediu um treinador bastante competente para ir buscar o treinador do Benfica que acabou por ganhar "bola". O mesmo Sporting que achou que ter o Markovic por empréstimo era genial quando na verdade está a ser um belo flop. O mesmo Sporting que ainda ontem empatou em casa com o Tondela e cujo autor do golo tirou a camisola para festejar como se tivesse ganho a Champions. Esta é a mentalidade do presidente do Sporting e, infelizmente, de muitos dos seus adeptos. O anti-benfiquismo é uma coisa real.

 

Gostava de saber quem se irá seguir ao Nelson Évora. Se tivesse de apostar, diria que o Bruno ainda vai tentar contratar o Luisão, mas ele não vai aceitar. Talvez não por amor à camisola, mas por respeito. Não temos muitos desses atletas que respeitem o clube e os adeptos, mas chegam-nos. Quanto aos que trocam um clube por outro por dinheiro, o Sporting pode ficar com eles todos. 

2 comentários

Comentar post